Contatos 11 3492-0169 11-5513-6064        11- 98255-6755 TODOS OS DIREITOS RESERVADOS VOLTAR PRÓXIMA HOME
Assentamento de Ogum Caldeiro de Ogum     Segundo    os    Itans    de    Ifá,    Ogum    e Oxosse   foram   uns   dos   primeiros   Orixás a   habitarem   a   Terra.   Eram   rivais,   mas Olodumarê    com    o    intuido    de    faze-los amigos   e   irmãos   marcou   um   encontro no   mesmo   local   e   na   mesma   hora   com os    dois.    Quando    Ogum    e    Oxosse    se encontraram,    cada    um    perguntou    ao outro    o    que    estava    fazendo    naquele local.        Ambos        responderam        que Olodumarê   mandou   que   eles   fossem   ao encontro   dele.   Passou-se   muito   tempo e   Olodumarê   não   apareceu.   Passou   o dia,   chegou      a   noite,   raiou   o   outro   dia   e nada    de    Olodumarê    aparecer.    Ambos cansados   e   com   medo,   não   se   retiraram do    local    com    medo    de    sofrerem    a cólera    do    Pai.    Resolveram    fazer    uma trégua   momentanêa   e   constataram   que estavam   famintos.   Oxosse,   o   Orixá   da caça, saiu para arrumar comida, enquanto      Ogum      foi      buscar      água. Apesar   do   Grande      Pai   Caçador   possuir habilidades    mágicas        para    caçar,    seu Ofá   (arco   e   fecha)   era   pequeno   e   ele   conseguia    pegar    pássaros    e    animais pequenos.    E    a    fome    de    ambos    era imensa.   Ogum,   grande   ferreiro   do   céu, observou   que   seu   irmão   não   possuia   as armas   necessárias,   então,   o   chamou   e lhe    deu    um    ofá    maior,    feito    com    um metal   de   grande   dureza,   só   que   leve   o suficiente        para        ser        manipulado. Também     lhe     deu     ponteiras     mágicas para     a     confecção     das     suas     flechas. Assim      o      Grande      Caçador      abateu amimais   maiores   e   pôde   saciar   a   fome dos   dois.   Há      dias   no   local   do   encontro, eles   conversavam   e   pareciam   grandes amigos.    Olodumarê    apareceu    e,    feliz, abençou    a    união    dos    irmãos.    Assim nasceu   o   pacto   do   Pai   Ogum   com   o   Pai Oxosse.   Este   Itãn   se   encontra   no   Omo Odu de Ifá Ogunda Massa. Por    este    motivo,    Ogum    é    assentando num   caldeiro   (espécie   de   caldeirão   de ferro),   com   todos   os   seus   atributos   e não    pode    faltar    o    arco    e    flecha    que representa    o    pacto    de    união    desses Orixás. Dentro   do   Culto   a   Ifá,   Ogum   é   patrono do   Trabalho,   enquanto   Oxosse   é   o   Orixá da prosperidade. Além    do    caldeiro    o    assentamento    de Ogum leva: - Miniaturas de ferramentas - Três facões - Três Ofás -     Uma     bigorna     pequena,     quando     a assentamento    é    para    mulher,    e    uma bigorna      média      ou      grande,      se      o assentamento for para homem. -     Okutás     (pedras),     para     ambos     os Orixás, -   Fava   de   Oju   Malu   (olhas   de   boi)   e   de awô (conhecida com fava de vidência). -   As   pessoas   iniciadas   no   culto,   devem deixar   o   assentamento   do   Pai   Ogum   e do   Pai   Oxosse   atrás   da   porta   principal de      sua      casa.      Para      que      entre      a prosperidade     e     que     nunca     falte     o trabalho. ASSENTAMENTOS OGUN WARÍ - EXU E OXUN MATERIAL NECESSÁRIO 1 OKUTA DE FERRO 1 OKUTA DE CACHOEIRA WAJI ALGUIDAR NÚM 2  E  3 OSUN 7 MOEDAS ANTIGAS OBI OROGBO SAL AZEITE DE DENDE FERRAMENTA    DE    OGUN    COM    35 CENTÍMETROS FOLHAS DE OGUN EFUN 7 BOLAS  PEQUENAS DE FERRO 7 BÚZIOS ABERTOS 2 ATARE FAVAS DE OGUN MEL  MATERIAL PARA A CASA DO ASSENTAMENTO ESTUQUE;   EREGUN,      LAMPIÃO,   GALOS VERMELHOS,   POMBOS   BRANCOS,   EPO PUPÁ     FOLHAS     DE     OGUN     (     TODAS), CABEÇAS      DE      CABRITO,      CABRITOS, GALINHAS DA ANGOLA MARIWO ANIMAIS PARA O SACRIFÍCIO -    GALOS    VERMELHOS    /    GALINHA    DA ANGOLA   /   POMBO   BRANCO   BEBIDAS   ALUÁ   /   CACHAÇA   /   ÁGUA   DE   CÔCO   / GIM    /    EMÚ    COMIDAS    -    INHAME    DA COSTA   /   CARNE   CRUA   /   PADÊ   DE   ORÍ /PADE DE AZEITE DE DENDE PREPARO DA FERRAMENTA       A      FERRAMENTA      É      LAVADA      NA MISTURA   FEITA   COM   AZEITE   DE   DENDE, CACHAÇA E FOLHA. CONSTRUÇÃO   DA   CASA   QUE   ABRIGARÁ O    ASSENTAMENTO:    É    UMA    CASA    DE ESTUQUE    MISTURADO    COM    EJÉ    DOS ANIMAIS    SACRIFICADOS    E    FOLHAS    DE OGUN. FAZER   QUATRO   BURACOS   NOS   QUATRO CANTOS    DA    CASA,    COLOCANDO    EM CADA    UM    UMA    CABEÇA    DE    ANIMAL SACRIFICADO,      SOBRE      OS      BURACOS COLOCA-SE     SANGUE     E     FOLHAS     DE OGUN.   EM   VOLTA   DA   CASA   SE   PLANTA PEREGUN. ARMAÇÃO    DO    ASSENTAMENTO:    NUM ALGUIDAR   COLOCAR   A   FERRAMENTA      E NO OUTRO. NO      QUE      TEM      AS      FERRAMENTAS COLOCAR   AS   SETE   BOLAS   DE   FERRO,   AS 7    MOEDAS    ,    WAJI,    EFUN,    OSUN,    OS OKUTÁ,      UM   POUCO   DE   DENDE,   GOTAS DE   MEL   E   EM   SEGUIDA   OS   SACRIFÍCIOS DOS   ANIMAIS-   EJÉ-   SENDO   QUE   OS   AXÉ SÃO          PASSADOS          NO          DENDE, ENROLADOS   NA   FOLHA   DE   BANANEIRA E DESPACHADOS NA RUA DE TERRA. ASSENTAMENTOS OGUN ÉLÉGBÉDÉ ( OXUN, EXU E OXOSI) ASSENTAMENTO    -        PRIMEIRA    PARTE    : COMO    ESTA    QUALIDADE    É    PLANTADA IMPRETERIVELMENTE       EMBAIXO       DE UMA       ÁRVORE       QUE       PODE       SER: MANGUEIRA,   JAQUEIRA,   CAJAZEIRA   OU TOUCEIRA    DE    PEREGUN,    SÃO    FEITOS SACRIFÍCIOS   DE   ANIMAIS,   OU   SEJA,   O EJÉ   CIRCUNDA   O   TRONCO   DA   ÁRVORE. CASO   SEJA   ESCOLHIDO   O   PEREGUN,   NO CENTRO     DA     TOUCEIRA     É     QUE     SE PREPARA       O       ASSENTAMENTO.       OS ANIMAIS   PARA   ESTE   RITUAL   SÃO:   UM CABRITO,   GALOS,   GALINHA   DANGOLA, POMBO      BRANCO.      EM      VOLTA      DA TOUCEIRA     DE     PEREGUN     PODE     SER FEITO     UM     MURINHO     DE     CIMENTO PARA    PROTEÇÃO.    NAS    ÀRVORES,    EM VOLTA,   AMARRAMOS      UM   PANO   VERDE E BRANCO. ASSENTAMENTO – SEGUNDA PARTE: MATERIAL NECESSÁRIO PARA SEGUNDA PARTE: FERRAMENTA DE OGUN FOLHAS DE OGUN ATARE SOCADO OU MASTIGADO 1 OTÁ DE FERRO DA VIA FÉRREA FAVAS DE OGUN 7 BÚZIOS 7 BOLINHAS DE FERRO MARIWO ANIMAIS PARA SACRIFÍCIO: CABRITO     /     GALOS     /     GALINHA     DA ANGOLA / PATO / POMBO BRANCO BEBIDAS     –     CACHAÇA     /EMÚ     /ÁGUA /ÁGUA DE CÔCO /GIM COMIDAS         -         FEIJÃO         FRADINHO TORRADO,     COM     AZEITE     DE     DENDE, CAMARÃO    SECO    E    CEBOLA    RALADA /FEIJÃO   PRETO   /MILHO   DE   GALINHA   E FEIJÃO   PRETO   /FEIJÃO   MULATINHO   OU CAVALINHO          /ABEREN          /AKARAJÉ /EKURU   /INHAME   ASSADO,   41   PALITOS DE      DENDEZEIRO      COM      AZEITE      DE DENDE PREPARO DA FERRAMENTA SERÁ       PREPARADA       COM       FOLHAS QUINADAS,        AZEITE        DE        DENDE, CACHAÇA, WAJI, OSUN E EFUN / ARMAÇÃO:    DEPOIS    DA    FERRAMENTA PRONTA,    COLOCA-SE    AS    MOEDAS,    OS BÚZIOS,   O   OKUTÁ,   AS   FAVAS   DO   ORIXÁ. SACRIFICA-SE     OS     ANIMAIS,     JOGA-SE SOBRE       TUDO       ATARE       SOCADO       E MASTIGADO.   AO   LADO   É   MANTIDO   UM ALGUIDAR COM AZEITE DE DENDE. OGUN XOROKE - ( EXU) MATERIAL NECESSÁRIO TERRA       DE       3       ENCRUZILHADAS PRÓXIMAS     AO     LOCAL     ODE     VAI     SER FEITO O ASSENTAMENTO. EFUN BOLAS DE FERRO ÁGUA DE POÇO 7 FOLHAS DE OGUN 3 FACAS SEM CABO, USADAS 7 MOEDAS AZEITE DE DENDE WAJI OSUN ATARE MOIDO CACHAÇA 7 FOLHAS DE EXU FERRAMENTA COMUM OBÍ ALGUIDARES ANIMAIS PARA SACRIFÍCIO CABRITO      /      GALO      /      GALINHA      DA ANGOLA /POMBO BRANCO BEBIDAS   –   CACHAÇA   /ÁGUA   /AZEITE   DE DENDÊ   /GIM   /WODKA   /MEL   /ÁGUA   DE CÔCO COMIDAS       -       CARNES       CRUAS,       DE PREFERÊNCIA      E      TAMBÉM      CARNES ASSADAS     /     COMIDAS     NORMAIS     DA CASA / FAROFA DE MIÚDOS PREPARO       DA       FERRAMENTA       -       A FERRAMENTA     FICA     DENTRO     DE     UM ALGUIDAR     OU     DE     UMA     BACIA     DE ÁGATA   COM   FOLHAS   DE   EXU   E   OGUN   E AZEITE DE DENDE. RITUAL   NA   MATA   -   É   FEITO   UM   BURACO NA   MATA   ,   ONDE   SÃO   SACRIFICADOS   7 GALOS,   DURANTE   7   DIAS,   SENDO   QUE NO   ÚLTIMO   DIA   SÃO   SACRIFICADOS   O CABRITO,    CUJA    CABEÇA    FICA    DENTRO DO   BURACO,   4   GALOS,   1   GALINHA   DA ANGOLA E 1 POMBO BRANCO. ARMAÇÃO    DO    ASSENTAMENTO:    APÓS OS     SETE     DIAS     A     FERRAMENTA     DE XOROKE   É   FINCADA   NA   TERRA   E   POR CIMA    COLOCA-SE    WAJI,    OSUN,    EFUN, ATARE,   AS   BOLINHAS   DE   FERRO,   SUMO DAS   FOLHAS   DE   EXU   E   OGUN   E   AS   3 FACAS SEM CABO. SÃO   MANTIDOS,   NO   ASSENTAMENTO,   3 ALGUIDARES    COM    AZEITE    DE    DENDE, ÁGUA E CACHAÇA. OGUN OLODÉ (OXOSSI) MATERIAL NECESSÁRIO FERRAMENTA AZEITE DE DENDÊ FOLHAS     DE     OXOSS     (     CAPITÃO, CAIÇARA E CACTOS) EFUN WAJI PIMENTA DO REINO PRETA MOEDAS CORRENTES IKODIDÉ ALGUIDAR FOLHAS DE OGUN MARIWO AKASÁ BRANCO OSUN ATARE BÚZIOS NOEDAS ANTIGAS FAVAS DE OGUN ANIMAIS PARA SACRIFÍCIO    CABRITO   /      IGBIN   /   GALO   VERMELHO /POMBO   BRANCO   BEBIDAS   -   BEBIDAS DE   OGUN   E   OXOSSI   COMIDAS   -   COME FRUTOS, OBI E OROGBO