AS REZAS MÁGICAS

I. Pela flor que com Jesus nasceu, Pelas lágrimas de Maria Imaculada, Pela
cruz em que Jesus morreu, Pela hóstia consagrada, Que me livrem dos
inimigos, dos perigos, De todo mal, Aqui, Aquem, Além… Amém, Amém,
Amém!

II. Sete pássaros, sete alegrias. Sete luas, sete magias. Sete anjos que me
protejam, Tanto nas noites quanto nos dias; E sete estrelas me iluminem, Em
nome de Jesus, José e Maria. Paz na lida, paz na guia.


III. A Cruz de Cristo, o Cálice Bento, a Hóstia consagrada Estejam comigo
para que não me aconteça nada! Nada! Nenhum aborrecimento, nenhum
sofrimento, nenhum mal… Nada! Nada! Nada!


IV. Na estrada de Damasco, Paulo se converteu. Na estrada de Emaús, Jesus
reapareceu. Seja a paz na minha lida, na estrada da minha vida.


V. A semana tem sete dias. As sete luas têm sete magias. Sete anjos de Deus
me guardem, Sete estrelas do Céu me iluminem, Sete santos me acompanhem
Durante as sete noites e também nos sete dias.


VI. Preto velho de Aruanda, pelos meus caminhos anda, Para do mal me
livrar. A minha Fé na Umbanda, Sempre me há de salvar.


VII. São Bento, água benta! Jesus Cristo no altar. Peço que se houver mal em
meu caminho, para de mim se afastar! ON! Ou amém